quarta-feira, 5 de outubro de 2011















Trabalhadores em educação da rede estadual de ensino prometem continuar mobilizados e garantindo a greve em Marabá e em todo o sul e sudeste do PArá....

Um comentário:

Aurisma Lopes Queiroz disse...

O certo é não ceder as pressões do tucano. Continuar com o movimento dê no que der.

Educação em greve,
a culpa é do Simão!