quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

SOBRE O PAGAMENTO DE DEZEMBRO


Olá companheirada, a situação é a seguinte: como a equipe destruidora, ou, digo, gestora do governo Maurino não efetuou o pagamento da educação, quem deverá fazê-lo é a equipe do novo prefeito. No entanto essa equipe ainda está sendo formada. Foi confirmado ontem o nome do novo secretário, Bressan (PT). Depois que a equipe estiver formada, o secretário vai ao Banco do Brasil se cadastrar e formatar uma senha de liberação da folha de pagamento. A mesma coisa devem fazer o tesoureiro da Semed e o Secretário de Finanças, os três são quem fazem essa liberação. Vamos esperar que isso ocorra até o final da próxima semana. Ficaram nas contas do FUNDEB, ou pelo menos devem ter ficado, em torno de 11 milhões para pagar uma folha que fica na base de 8 milhões. 
A coordenação do Sintepp já entrou em contato com membros da equipe da Semed e deverá se reunir com essa nova gestão até o sexta-feira dia 04/01, a fim de resolvermos esse problema.

6 comentários:

liz dolores disse...

Segundo fontes do Banco do Brasil este dinheiro está na conta, menos mal,esperamos que os que estão entrando tenham o bom senso de pagar com máxima urgência o pessoal da educação, não quero ser egoísta, mais nosso dinheiro está sempre ma conta,é só pagar.

Anônimo disse...

Esperamos muito do atual prefeito.. Uma sugestão minha, que até parece óbvia mas iria simplificar, é o vale alimentação em dinheiro junto com o salário.
E como Salame disse na campanha "pagar o funcionario em dia não é favor e sim obrigação".

Bom trabalho a essa nova equipe!
Nós agradeceremos.

por William Formiga

Anônimo disse...



Caro Senhor presidente do Sinttep-Marabá. Lendo as atualizações do blog, gostaria de parabenizar a luta do sindicato em prol dos trabalhadores da gestão pública do muncípio de marabá. Gostaria de fazer algumas perguntas:qual foi o motivo pela qual o ex-prefeito Maurino Mgalhães não foi impeachmado, por que a gestão pública se transformou nesse caos que se encontra nos dias de hoje? em questão aos salários atrasados, por que a nova gestão não paga o que está atrasado e depois o salário de janeiro que ainda vai vencer? vocês concordam com isso? qual será a posição do sindicato se não for cumprida a promessa de pagamento nos dias 20 e 30 de janeiro de 2013? Os professores e servidores de apoio contratados da área da educação estarão incluídos nesse pagamento? o novo diretor de ensino rural quando discordar de alguma atitude do secretário de educação e for voto vencido dentro desta nova gestão, qual será a posição do sindicato?
obrigado pela oportunidade e uma dica: jamais acreditar em políticos ou em suas promessas. tem um pedaço do filme "outubro vermelho com o ator Sean Coneary" onde o secretário do presidente americno diz o seguinte:"Sou um político, logo sou mentiroso e sou capaz de segurar no colo criancinhas para roubar-lhes o pirulito".

SINTEPP - SUBSEDE - MARABÁ disse...

Caro anônimo,

Em relação à situação do Prefeito Maurino, temos clareza que o SINTEPP cumpriu o seu papel denunciando as irregularidades da gestão. Chegamos a ponto de dencunciar uma Juiza mesmo sabendo que o coorporativismo do judiciário rezaria contra nós. Realizamos ato público em frente ao Fórum pedindo a cabeça de Aldeci Pissolati e nada fora feito. Pedimos a cassação de Maurino para os vereadores e ainda fomos acusados por Vanda Américo de tentar dar um golpe na Câmara para transformar o presidente Nagib Mutran em Prefeito, mesmo quando ela mesma sabia que caso ele assumisse ficaria inelegível para concorrer ao cargo de vereador. A nova gestão pocisionou-se dizendo que o seu compromisso é com o pagamento dos servidores a partir do mês de janeiro de 2013 e ratificou que os meses anteriores deverão ser negociados, conforme proposta já divulgada em nossos blogs. Nós não concordamos com essa proposta do governo, mas o que vamos fazer depende da categoria que será convocada oficialmente para o dia 18 de janeiro. "O SINTEPP somos nós, nossa força nossa voz" sempre foi uma prática exercitada por nossa coordenação. No dia 18, a categoria deverá dizer se é contra ou a favor das propostas e, principalmente, deverá DETERMINAR o que fazer caso a proposta de pagar janeiro e dezembro nos dias 20 e 30 não seja cumprida. A discussão é sempre para garantir as conquistas de todos os servidores, mesmo para àqueles que não valorizam o seu sindicato. O professor Francisco Pereira Neto foi convidado a compor a Diretoria de Zona Rural porque teve a sua experiência como ex-supervisor de Zona Rural reconhecida pela nova gestão. Como membro de nossa coordenação desempenhou um papel indispensável na luta dos servidores e da comunidade da zona rural. Não temos dúvidas que o Chiquinho tem toda a sabedoria e experiência necessárias para dirigir àquele Departamento, mesmo isso custando caro para nós, pois a sua perda será enorme para nós que decidimos permanecer a frente do SINTEPP, temos certeza que o nosso Chiquinho tem muito a contribuir a frente daquele departamento e cabe a ele decidir o que fazer caso não tenha autonomia para fazer as mudanças que a nossa categoria almeja.
Em realação a sua dica, queremos registrar que discordamos parcialmente da sua dica. Há políticos que prometem e não cumprem e há políticos extremamente desonestos, mas há exceções. Não acreditar na política é não acreditar na própria humanidade, pois dasafiamos qualquer ser humano a nos apresentar um ser humano que não seja extremamente político.
Por último queremos agradecer o reconhecimento e deixar claro que não vamos nos curvar diante de qualquer atentado contra os direitos e conquistas da classe trabalhadora. Votar em fulano e beltrano é apenas uma escolha, ou seja, uma decisão política inerente a todos os seres humanos, mesmo que essa escolha não seja a mais correta. Prova disso foi a eleição de Maurino Magalhães. Agora, temos a clareza que a maioria esmagadora da categoria optou por João Salame, portanto, acreditamos que estamos no caminho certo, pois acreditamos no que a nossa categoria acredita. Foi no governo Maurino que tivemos as nossas maiores conquistas e este senhor armagou as maiores greves que os cidadãos de nosso município já presenciaram. A decisçao de fazer um bom governo está nas mãos de João Salame, cabe a ele decidir se vai seguir os mesmos passos de seus antecessores ou se vai passar a ser um político confiável.

raddany marinho silva fagundes disse...

QUERIA SABER QUANDO VAI SAIR O PAGAMENTO DE DEZEMBRO DOS PROFESSORES CONTRATADOS DA EDUCAÇÃO?

raddany marinho silva fagundes disse...

quando sai O PAGAMENTO DE DEZEMBRO DOS PROFESSORES CONTRATADOS ?