quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Eleição para diretores

Caros filiados,

Após longa reunião na manhã desta quarta-feira, conseguimos aprovar juntamente com os Vereadores presentes a proposta feita pelo Sintepp, garantindo que nessas eleições não haverá Avaliação de Certificação, ficando tal avaliação assegurada apenas para o próximo pleito. Aprovamos também que esta avaliação deve ser feita por Instituição contratada mediante Licitação Pública para assegurar Impessoalidade e Legalidade ao processo, onde todos reconheceram a importância da certificação.
O projeto de Lei deverá ser votado na próxima terça-feira, onde ainda defendemos que o mandato seja de 03 anos valendo apenas para as eleições de 2018, sendo que alguns vereadores ainda defendem a proposta de 04 anos. Lembrando que hoje o mandato é de apenas 02 anos! 

13 comentários:

Anonimo disse...

É triste o assédio moral aos funcionários nas escolas por conta dos gestores. Esperamos que a eleição direta signifique a manifestação concreta da gestão democrática no ambiente educacional publico.

Anônimo disse...

É triste saber que o assédio moral a funcionários cometido por conta de diretores é ainda um fato presente. As vitimas se desestabilizam psiquico e emocionalmente, pelas investidas do agressor, perdendo o seu bem maior, a saúde, e muitas vezes chegando a pedir remoção, ou exoneração. Esperamos que a eleição direta contribua para a concretização de um gestão democrática nos ambientes escolares.

Anônimo disse...

É verdade que em algumas escolas ao invés de eleição será feita uma prova para o diretor?
Se for verdade como será aplicado essa prova? Vai ter um representante da escola na hora da prova e durante a correção para ter certeza que não acontecerá fraude?

SINTEPP - SUBSEDE - MARABÁ disse...

Não, meu caro, essa avaliação está no projeto de lei que altera a lei que regulamenta o processo eleitoral para escolha do diretor e vice das unidades de ensino de da rede pública municipal de Marabá. Pelo texto do projeto, a avaliação será aplicada a todos os candidatos que concorrerão ao pleito. Todavia, se aprovado pela Câmara Municipal de Marabá, somente terá validade para as próximas eleições.

Anônimo disse...

BOM DIA SINTEPP, gostaria de saber se nesse pagamento virá o retroativo do reajuste do pessoal de nível médio, ja se passou maio, junho, julho e agora agosto, vejo que o sintepp está em cima quanto ao pagamento das progressões dos professores mas quanto o pessoal de apoio o empenho não é o mesmo nem pra responder aos companheiros que estão perguntando não nos é informado o que ficou decidido na reunião que teve.

Anônimo disse...

Caros colegas assédio moral realmente devemos combater,o que não pode é alguns servidores que não gostam de trabalhar e estão só enrolando e quando são cobrados pela gestão sentirem-se prejudicados e aproveitarem para denunciar os gestores.Gostaria de dizer que o assédio pode também partir do professor para com o gestor,ai eu vejo o sindicato defendendo só o professor(sala de aula)e quem nos defenderá?

Anônimo disse...

Na última eleição teve algumas escolas que o candidato a diretor não teve votos suficientes para ganhar a eleição e nem para perder segundo informaram, então disseram que iria ter uma nova eleição na qual não aconteceu e acabou que os diretos permaneceram em seus cargos como se tivessem sido eleito.
Quero saber se isso irá acontecer na próxima eleição? porque tem escolas que são pequenas e é óbvio que o número de eleitores vão ser pequenos e se caso isso aconteça novamente mas antes não ter eleição porque não foi justo.

Anônimo disse...

Tem muitos diretores que mandam e desmando na escola achando que são os donos da escola e dos funcionários, e ainda acreditam que podem fazer essas coisas e que são protegidos pelo Secretário pelo partido já estou cansado dessas políticagens e injustiças.
A Secretaria não perceber que tem escola que tem vários funcionários pedindo transferência de algumas escolas fazem vista grossa espero que chegue logo a eleição

Anônimo disse...

Essa gestão só vive reclamando que não tem dinheiro e estão em redução de gasto, agora pra completar tem gestor que pensa que o os colegas de trabalham são obrigados a manter a escola.
Quando não tem tempero pedi coleta se falta material pedagógico pedi para os professores comprarem e ainda querem ffazer o discursso dizendo que na época que eles está sal de aula eles tira do bolso para comprar a material e se o professor quiser fazer um trabalho melhor tem que tirar do bolso e que os 15% de regência de sala são pra isso. Agora um dia que precisa a gente sempre ajuda mas tá do tempo o professor ter que bancar a escola daí já é uma palhaçada a gente trabalha pra Prefeitura oh pra manter a Prefeitura tapando o sol pela peneira tem várias escolas que acontecem essa situação e que não tem mais material pedagógicos e muitas vezes não tem tempero.

Anônimo disse...

Concordo que a última eleição foi injusta pois não teve a segunda eleição para os candidatos que não ganharam e não perderam e ainda ficaram com o cargo de diretor só porque o secretário permitiu ou porque eram do PT.
Espero que a próxima eleição aconteça logo e acredito que deveriam ser de 2 em 2 anos.

LUIZ REGASON BRESSAN BRESSAN disse...

Caro anônimo. Para bem da verdade, coordenei como secretário, juntamente com a comissão eleitoral, as eleições para diretores que ocorreram em dezembro de 2013. Certo. Tomaram posse no início de 2014. Ficaram algumas escolas sem eleições e outras foram criadas. Quando saí da SEMED em 3 de abril de 2014, estava sendo encaminhada a aleição para as escolas pendentes. Procure no SINTEPP, conselho municipal ou SEMED o motivo de não terem acontecido as eleições nas escolas restantes. Sua ironia sobre mim e o PT são infundadas. Desculpe-me, mas foi preciso esclarecer pois não sou anônimo e não tenho medo do debate. Bressan

LUIZ REGASON BRESSAN BRESSAN disse...


Caro anônimo. Para bem da verdade, coordenei como secretário, juntamente com a comissão eleitoral, as eleições para diretores que ocorreram em dezembro de 2013. Certo. Tomaram posse no início de 2014. Ficaram algumas escolas sem eleições e outras foram criadas. Quando saí da SEMED em 3 de abril de 2014, estava sendo encaminhada a aleição para as escolas pendentes. Procure no SINTEPP, conselho municipal ou SEMED o motivo de não terem acontecido as eleições nas escolas restantes. Sua ironia sobre mim e o PT são infundadas. Desculpe-me, mas foi preciso esclarecer pois não sou anônimo e não tenho medo do debate. Bressan
Você pode usar algumas ta

LUIZ REGASON BRESSAN BRESSAN disse...


Caro anônimo. Para bem da verdade, coordenei como secretário, juntamente com a comissão eleitoral, as eleições para diretores que ocorreram em dezembro de 2013. Certo. Tomaram posse no início de 2014. Ficaram algumas escolas sem eleições e outras foram criadas. Quando saí da SEMED em 3 de abril de 2014, estava sendo encaminhada a aleição para as escolas pendentes. Procure no SINTEPP, conselho municipal ou SEMED o motivo de não terem acontecido as eleições nas escolas restantes. Sua ironia sobre mim e o PT são infundadas. Desculpe-me, mas foi preciso esclarecer pois não sou anônimo e não tenho medo do debate. Bressan
Você pode usar algumas ta