terça-feira, 14 de novembro de 2017

DEVERES DOS FILIADOS E DEPENDENTES - SEDE CAMPESTRE


AVISO SEDE CAMPESTRE


SEMINÁRIO DE FORMAÇÃO POLÍTICO-SINDICAL DO SINTEPP: PCCR E HORA ATIVIDADE

  

   O SINTEPP, subsede Marabá convida os profissionais da educação para participarem do Seminário de Formação Político-Sindical sobre os temas que debaterão o PCCR x PCR e a Hora Atividade, cujo o objetivo é debater e subsidiar os trabalhadores da educação sobre as últimas discussões sobre a carreira e as propostas de hora-atividade que estão sendo debatidas no Conselho Municipal de Educação (CME).
   Na oportunidade será debatido o papel da Secretaria de Articulação com os Sistemas de Ensino do Ministério da Educação (Sase/ MEC) e da UNDIME que tem se organizado na efetiva orientação dos Planos de Cargos, Carreira e Remuneração no sentido de dividir e retirar ainda mais os direitos dos trabalhadores.

 A COORDENAÇÃO

AVISO SOBRE O FUNCIONAMENTO DA SEDE SOCIAL


quarta-feira, 8 de novembro de 2017

DIA NACIONAL DE LUTA POR DIREITOS


INFORMATIVO SEDE CAMPESTRE


INFORMATIVO: PROMOÇÃO FUNCIONAL


   Nos últimos dias temos procurado informações na Semed sobre a Lista de Progressões que ficou de ser publicada pela Semed, mas até o momento esse fato não aconteceu, e como ainda não tivemos acesso a lista, já há alguns rumores que os servidores que deram entrada no pedido de promoção do nível médio para o nível superior não constam na lista.

   Orientamos os servidores que deram entrada no pedido de nível médio para o nível superior a procurarem o Sintepp para juntada de nova documentação à Comissão de Avaliação de Evolução Funcional, pois devem responder sobre o motivo da demora na avaliação da documentação e na resposta sobre o processo de promoção funcional. Além disso, a documentação será enviada também para a Prefeitura e para o Secretário de Educação reivindicando o enquadramento.

     Dos processos protocolados na Justiça sobre Promoção e Retroativos, até agora 53 aguardam apenas decisão da magistrada, pois a prefeitura já se manifestou, os demais já estão encaminhando para a mesma situação.
 
    Fomos informados na Semed que ainda este mês de novembro será publicada a lista com autorização do Prefeito. As promoções solicitadas são de nível médio para superior, nível superior para nível especialista e nível especialista para nível mestrado.

    Não há problema no debate de enquadramento dos novos professores especialistas e mestres, mas sim dos novos professores que se tornarão nível superior, sob a alegação da Semed "de que há uma liminar em curso da ADI e por isso a promoção de nível médio para nível superior não pode mais ocorrer." No entanto, há controvérsias, tendo em vista que há dois fatores que sustentam o pedido dos servidores dentro da legalidade, pautado e escrito de forma concreta nas duas legislações: do PCCR e do RJU.

    PCCR - Todos os servidores que deram entrada antes da Liminar expedida pelo Tribunal de Justiça do Estado sobre a ADI, tem direito ao pedido do pleito porque estava assegurada a promoção de nível médio para nível superior.

   RJU - Após a liminar expedida pelo Tribunal de Justiça, houve a decisão com efeito Ex Nunc que suspendeu a promoção do nível médio para nível superior incorporada no seu vencimento base e com a aprovação do PCCR em 23/05, o elemento da promoção de nível médio foi suprimido, porém os servidores de nível médio para nível superior serão enquadrados, conforme o nível superior garantido no RJU de todos os servidores do município, como forma de adicional descompactado do seu vencimento base.

    Ou seja, os professores continuam com seus direitos garantidos pela Lei. Nem tudo que o governo planejou, ele ganhou. 

#LEI É PARA SER CUMPRIDA!

    A COORDENAÇÃO

terça-feira, 31 de outubro de 2017

INFORMATIVO: CONSIGNADO CAIXA ECONÔMICA



    Hoje, 31/10 o Sintepp Marabá esteve reunido com a gerência da Superintendência Regional da Caixa Econômica em busca de tentar um caminho para resolver a questão da margem negativa dos professores que foram afetados com os cortes no plano de carreira patrocinado pelo Governo Sebastião Miranda e os 17 vereadores.
   A princípio, o convênio entre a Caixa Econômica e a Prefeitura está suspenso, porém os servidores que tem contrato de consignado com a Caixa Econômica devem procurar o Sintepp com as informações e documentos a seguir:

1- Nome Completo
2- Rg
3- Cpf
4- Valor da atual parcela
5- Margem atual
6- Telefone para contato

  De posse desse dados, o Sintepp encaminhará o ofício para a Caixa Econômica, onde a mesma solicitará o desbloqueio do Convênio para a Central e fará um plano para cada servidor dentro da linha prudencial de desconto da margem consignável.

   O Sintepp, Sede Social funciona de Segunda a Sexta de 8:00 às 12:00 e 14:00 às 18:00. 

A COORDENAÇÃO

FESTA DO SERVIDOR 2017




domingo, 29 de outubro de 2017

COMUNICADO IMPORTANTE - SEDE CAMPESTRE



     Ontem, (28/10) aconteceu a Festa do Servidor na Sede Campestre do Sintepp que iniciou às 9h da manhã e finalizou por volta de 22:00 da noite com muita diversão e descontração entre os filiados, amigos e convidados. Agora, é preciso organizar a limpeza da Sede Campestre de todos os espaços e por este motivo, hoje 29/10 a Sede Campestre não terá funcionamento aberto aos filiados.

Em breve publicaremos as fotos do evento.


Agradecemos a compreensão de todos.

A COORDENAÇÃO

A FESTA DO SERVIDOR FILIADO DO SINTEPP ACONTECERÁ NESTE SÁBADO!


terça-feira, 24 de outubro de 2017

AS ESCOLAS COMEÇAM A SE MOBILIZAR PELA REALIZAÇÃO DA ELEIÇÃO DIRETA NAS ESCOLAS!




   A assembleia geral (20/10) realizou amplo debate sobre a Eleição 
Direta nas Escolas da Rede Municipal de Marabá onde foram
encaminhados vários pontos acerca dessa pauta. 

    Já temos várias reuniões agendadas nas escolas juntamente com 
a Comunidade Escolar que seguirão a mesma linha de raciocínio:
Organizar as Eleições Diretas nas Escolas.

    Segue abaixo o Modelo de Abaixo-Assinado que estamos encaminhando para as escolas. 

A COORDENAÇÃO


 ABAIXO ASSINADO


À Sua Excelência o Senhor
SEBASTIÃO MIRANDA FILHO
Prefeito Municipal de Marabá
Prefeitura Municipal de Marabá
Folha 31 – Área Institucional – Bairro Nova Marabá


Assunto: Abaixo-assinado. Eleições Diretas para Diretores de Unidades de Ensino.

Os abaixo-assinados, brasileiros(as), residentes e domiciliados(as) no Município de Marabá, solicitam de Vossa Excelência a manutenção das eleições diretas para Diretores de Unidades de Ensino da Rede Pública Municipal de Ensino, a fim de atender o princípio da gestão democrática do ensino público, conforme preceitua o artigo 206, inciso VI, da CF/1988.
Na certeza de sermos atendidos, encaminhamos esse documento em 02 (duas) vias que serão protocoladas no Gabinete de Vossa Excelência, sendo que posteriormente será encaminhada uma cópia para a Câmara Municipal de Vereadores de Marabá.
Por fim, nomeamos o(a) Senhor(a) XXXXXXXXXXXXXXXX, RG nº xxxxxxxx/SSP-PA, Telefone: (094)XXXXXXXXXX, como Representante e que o(a) mesmo(a) está autorizado(a) a protocolar o presente documento, bem como prestar outras informações, caso Vossa Excelência entenda necessário.

Marabá – PA, 24 de outubro de 2017.

NOME
IDENTIDADE
ENDEREÇO
ASSINATURA

















FESTA DO SERVIDOR


SINTEPP IMPETRA MANDADO DE SEGURANÇA COLETIVO CONTRA O PREFEITO SEBASTIÃO MIRANDA!



   Todos são sabedores que o Sintepp, subsede Marabá já protocolou vários documentos solicitando negociação das pautas dos trabalhadores em Educação, inclusive os atrasados referente ao Governo João Salame, porém não obtivemos nenhum êxito.

   O Governo Sebastião Miranda (PTB) tem um perfil arcaico e ultrapassado de Gestão Pública, pois se nega ao diálogo e não vê com bons olhos qualquer tipo de reivindicação que traga melhorias para a vida das pessoas.

  Em maio de 2017, o Prefeito Tião Miranda junto aos 17 vereadores aprovaram o PCCR da maldade, onde culminou o corte de vários direitos dos professores, configurando um verdadeiro retrocesso na carreira desses profissionais.

  Como não há sinalização de nenhum diálogo, provocamos a justiça para requerer nossos direitos que foram conquistados ao longo de anos e anos. Esperamos que a Justiça faça o seu papel, analisando cada contra-cheque anexado no processo, onde comprovamos que o Governo/Câmara dos Vereadores (maioria) retiraram através do Projeto de Lei nossas gratificações, tempo de serviço, promoção horizontal. Reduziram percentuais e modificaram a base de cálculo sem garantir a Vantagem Pessoal, como sinônimo dos direitos adquiridos.

A COORDENAÇÃO

 

MEMORIAL DO SINTEPP


quinta-feira, 28 de setembro de 2017

HOMENAGEM AOS PROFESSORES? COM CORTES NO PCCR E NA FREQUENCIA POR REIVINDICAR SEUS DIREITOS ?



   Desde que o governo Tião (PTB) e Toni (REDE) assumiram a nova gestão pública de Marabá a Educação vem sendo atacada ferozmente pelos gestores e toda sua equipe.
    A promessa de colocar a cidade nos trilhos foi alardeada em toda a campanha eleitoral ano passado. Tião e Toni só não falaram para população que iriam penalizar os trabalhadores para tentar equilibrar a máquina pública.
     Como se não bastasse, cortar na carreira dos professores no dia 23/05 com a maioria dos vereadores na Câmara Municipal, o prefeito continua burlando a legislação, pois efetuou falta nos contra-cheques dos servidores que participaram do último ato do dia 30/08 em Defesa da Eleição Direta para Diretores e, continua que nem um trem desgovernado ameaçando cortar o ponto na Paralisação de amanhã 29/09 que acontecerá em frente à Prefeitura como forma de repúdio aos últimos acontecimentos e também à todas as pautas velhas e retrógradas que nos deve.
   A gestão precisa fazer uma reflexão profunda dos erros e tropeços que vem cometendo na área educacional, pois tem encaminhado medidas totalmente defasadas e superadas com viés totalmente liberal e no rumo que seguem não apresentam nada de novo.
    Até, a Lei de Eleição Direta para Diretores e Vice-Diretores, o Prefeito quer revogar, ou seja, estamos voltando à  época das trevas do clientelismo político nas escolas, que é na prática política, a troca de favores, na qual os eleitores são os clientes, com laços profundos de lealdade, confiança e reciprocidade.
  Tendo em vista essas perseguições, já encaminhamos a referida denúncia contra a Prefeitura/Semed para o Ministério Público pelo não cumprimento dos 200 dias letivos. Os grandes irresponsáveis por este cenário retrógrado não são os professores, que ironicamente serão "supostamente" homenageados com a "festa", mas sim do governo/semed que estão diminuindo para 198 dias o calendário letivo de 2017, até o momento, os dias de aula, que são de direito dos alunos.
    Vamos participar do ato de amanhã e mostrar para o Prefeito que não temos medo de ameaças! Amanhã, a partir das 8:00 em frente a Prefeitura!

#Queremos o pagamento dos nossos atrasados!
#Pelo Reajuste Já!       
#Pelo Pagamento dos Retroativos!
#Pelo Pagamento dos Visa em atraso!
#Pelas Emendas no PCCR!
# Pela Hora Atividade!
#Pelos Novos Enquadramentos!

A COORDENAÇÃO
   

SINTEPP DENUNCIA SEMED POR DESCUMPRIMENTO DOS 200 DIAS LETIVOS




NÃO VOU PARTICIPAR DESSA FESTA PROMOVIDA COM O MEU DINHEIRO


REQUISIÇÃO DE AVERIGUAÇÃO NAS ESCOLAS DA REDE ESTADUAL AO MINISTÉRIO PÚBLICO